Postagens

Mostrando postagens de 2016

Nada

Imagem
Era um mar sem fim... Um mar de pessoas, tristes, solitárias, vazias. Cada um curtindo a solidão de viver em um mundo onde se luta pela igualdade, justiça, paz e amor. A igualdade de ser diferente, de poder viver sem o medo do outro. A justiça, aquela que todos julgam saber o que é, o negro quer justiça, os brancos querem justiça, os gays, os pobres, os ricos, os sem identidade, cada um se acha o juiz, pronto para condenar e apontar o que é certo... O amor, esse é mais complicado de dizer, uns dizem que ele vive em uma manhã de sol, outros falam que o amor é capaz de qualquer coisa, que esta em tudo e em todos, que não tem fronteira e que ninguém morre de amor, mas por amor.
Na verdade ninguém quer ser igual, todos se acham os juízes da própria tragedia e todos acham que sabem o que é amar. Abra os olhos e veja, você não passa de nada, de coisa alguma. Eu gosto de ser nada, um nada pode se criar a cada dia, pode descobrir tudo, viver o que ninguém ainda viveu, pode se torna um nada f…