Quem sou eu?

Minha foto
Belo Horizonte, Minas gerais, Brazil
"Só se vê bem com o coração. O essencial é invisível para os olhos." (Saint-Exupéry) Uma pessoa comum, fora do normal. Sou mais do que as pessoas pensão e menos que elas esperam. Posso ser um rei, um carrasco, mendigo. Mas sou apenas eu mesmo, sem muita coisa, apenas o bastante pra cativar as raposas ao meu redor, e me permitir ser cativa-do pela mesma.

A MAIS BELA DE TODAS

Lembram-se da rosa e o coração de pedra? Pois bem, venho desfazer o engano, a rosa ainda continua linda, mas o tal coração que eu julgava ser de pedra, não passa de gelo e eu achando como sempre ser o único certo lhe julguei errado. O gelo hoje se transforma em água, ou melhor, em lágrimas. Ver minha mãe chorar e junto dela derramar lágrimas foi emocionante, ela não parava de falar que me amava e que apesar de tudo nunca perdeu a confiança em mim. Lembro-me dela chegar com uma garrafa de cerveja revoltada e a me ver debochar, com os olhos cheios de água, de repente os dois estavam chorando. Ela sentada do meu lado começou a desabafar, eu ainda atordoado não sabia fazer nada alem de chorar. Ela me contou toda sua vida sofrida e a todo tempo demonstrava que apesar de tudo me amava e nunca deixaria de me amar.

Mil coisas se passaram em minha mente, não conseguia falar, meus sofrimentos misturados com felicidade não me permitiam, gaguejando tentava falar alguma coisa que era entendível, mas ainda confuso. Mas meus ouvidos quase explodiram, meus olhos não pararam mais de chorar, e meu coração quase não suportou ouvir minha mãe dizer: Eu sofri muito com tudo isso, você veio e jogou tudo na minha cara, esperando uma reação boa, com os filhos dos outros é tudo mais fácil, eu não fui criada nessa geração, nasci na roça e não fui ensinada pra isso, mas você foi o filho que eu sempre confiei ou melhor que confio, pois ainda confio, não pude dar as melhores roupas, os melhores estudos e nem mesmo muito atenção, pois quando eram crianças eu trabalhava dia e noite pra que não ficassem com fome. Mas me entenda meu filho, nunca quis ver o seu mal, não deixaria ninguém pisar em vocês, e se um dia precisar voltar, essa casa é sua e de seus irmãos eu lutei a vida toda por isso, pra terem um lugar.

Ela se culpa tanto, por achar que não conseguiu dar o que queríamos, mas pelo contrário ela deu a melhor coisa o amor e apoio quando mais precisamos, ela soube puxar as rédeas e ate mesmo nos soltar na vida pra aprender a viver, tudo que tenho e tudo que sou hoje devo a ela, queria que ela pudesse ver isso, e perdesse um pouco de culpa, por achar que não foi uma boa mãe, mas nunca a trocaria por nenhuma outra. Foi tão difícil ver ela como uma pessoa frágil ali do meu lado chorando, foi tão difícil rever meus erros e pensar no que fiz. Agora escrevendo tudo isso não consigo parar de chorar, os sentimentos ainda estão recentes. Sinto falta de ser criança, onde não tinha que me preocupar com nada, apenas em brincar, correr, pois ainda não conhecia o verdadeiro sentimento.

Ela tem um coração tão bom, só eu não conseguia perceber, a pedra estava nos meus olhos e não me permitia reparar na grandeza da melhor pessoa do mundo, depois de tanto chorar acho q a pedra caiu e pude ver melhor, ver a verdade. Ela ainda não se acostumou com tudo, mas esta se esforçando, e eu também não quero mais ver ela chorar por mim. Sinto falta de abraçar, e deitar na cama enquanto falamos da vida ou então a ouvir reclamar da rotina da sua vida, sinto falta de deitar no colo dela e enquanto passava a mão nos meus cabelos começava a me puxar a orelha, pois sabe que sou capaz de fazer mais do que penso.

Faço-me de forte, mas não sou nada alem de uma criança indefesa precisando somente de um abraço, me recolho no canto e fico a imaginar se tudo fosse diferente, se eu fosse rico, acho que não teria uma mãe tão boa e nem mesmo seria uma pessoa tão bem formada e capaz de correr atrás do que eu quero (apesar de ainda não saber o que eu quero).

O dia 5 de Dezembro de 2010 vai ficar pra todo o sempre na minha lembrança. Pois foi o dia que vivenciei a bela que se passava por fera, ser nada alem do que ela mesma, foi o dia em que a chuva caia e eu ouvia a todo o tempo coisas que antes me recusava a ouvir, verdades sinceras sem farpas, cascalhos, apenas amores e carinhos. Sinto-me aliviado, pois agora tenho a certeza que ela me ama, sei que não devia ter duvidado, mas a dor nos engana e faz ver mentiras insanas. Hoje apesar de ainda chorar, me sinto feliz, um grande peso foi retirado das costas. Mas ainda não sei por que, um vazio enorme esta dentro de mim, me falta alguma coisa muito grande e não sei o que pode ser, me passa mil e uma ideias, mas nem uma delas me preenche. Preciso saber o que me falta, isso ta me machucando. Quero fazer algumas loucuras (sair de casa), mas tenho tanto medo de me arrepender, de não conseguir sobreviver lá fora sem a minha família. Mas será que é isso que me falta? Saber viver sozinho, me vivar, sem depender de alguém? Essa pergunta ainda acaba comigo, o que será que ainda me falta?

Nascendo para Morrer

Olhem essas crianças que acabaram de nascer, vem sempre o pessimista e fala: coitadas não sabem onde está entrando, um mundo de porcos e pessoas ingratas, se fosse eles continuariam lá dentro. O otimista logo fala: felizes crianças, grande salvação do mundo, elas iram mudar o que agora são só trevas. Mas seja o que quiserem só o tempo será capaz de nos mostrar. Pois ai esta ele disposto a mostrar a evolução delas, linda criança como tal inquieta e brincalhona. Podemos aos poucos ver ela crescer, o primeiro dente, as primeiras palavras, as pirraças, a entrada na escola.

Olha ai a tão temida adolescência aquele onde vão provar coisas ruins ou apenas estudar, depende de quem seja. Vamos ver as revoltas, as brigas e os palavrões que eles aprenderam na escola. Quem diria a primeira namorada, aquela que vai lhe ensinar o que é o amor, a dor que ele pode causar.  A cara cheia de espinhas, os hormônios a flor da pele, a raiva, as brincadeiras e por fim vejo meus pais com lágrimas nos olhos ao me ver partir por aquela pequena porta, e seguir meu caminho agora sozinho.

Pronto agora sou adulto, já passo a fazer de brincadeiras e revoltar coisas serias, agora tenho que trocar brinquedos e bolas, por lápis e borracha, uma noite de filmes por trabalho, o peso da bolsa de valores hoje importa mais do que qualquer coisa no mundo. A correria e a monotonia do dia a dia me fazem seguir enfrente sem nem mesmo questionar. Mas em um belo dia, aquele parecido com todos os outros por causa da rotina. Derrepente no meio do caminho esbarro com um anjo, esqueço do horário e a reunião que tanto esperei por meses, ela com um sorriso vergonhoso pede desculpa e sai do mesmo jeito que apareceu. Mas desatenta e preocupa acaba esquecendo a sua carteira com os seus documentos e felizmente seu endereço, como não sabia o que fazer pra esquecer aquele anjo lindo. Depois de um dia de rotina, fui a casa dela entrega-lhe os documentos, ela muito educada e agradecida me convida pra entrar e me sentar, ainda vermelho de vergonha me sento no sofá de uma casa simples e muito confortável, bem diferente daquele apartamento frio e solitário onde vivo. Quanto mais olho pra ela, mas me encanto, e é lógico que não perdi o contato com tão doce pessoa. Depois de meses me declaro e por minha alegria ela também sentia o mesmo, e sem tempo a perder do mais um grande passo na vida, o tão temido casamento. Mas eu fui privilegiado, a mulher perfeita esta aqui do meu lado está sempre a trabalhar, mas ela sabe o momento e como sair da rotina, me provoca e faz de mim a pessoa mais feliz. Hoje brigamos um pouco, mas coisa de casais amanha voltaremos a nos amar mais que em qualquer outro dia.

O tempo passa e podemos ver agora nossos filhos crescerem, e assim como eu fiz saírem de casa para viver suas vidas, progredirem ou não, mas eles têm a certeza que quando precisar seus pais estará ali pra ajudar, depois de muito tempo a discutir e ver aquelas crianças crescerem voltamos a sermos só nós dois, a casa já não é tão silenciosa, os almoços de domingos são bagunçados e barulhentos, filhos, netos, sogros e sogras. Todos reunidos na mesma mesa pra celebrar a felicidade de ter uma família.

Hoje já velhinhos e com tantas lembranças me sinto sozinho, e desamparado, depois de tantas recordações, começo a chorar, será que morreria sozinho? Minha cabeça velha e já um pouco caduca diz que sim. Mas sinto um calor estranho e um abraço forte, voltei a terra depois disso, e meu coração já cansado se acalma ao ver ainda aquele sorriso de anjo, ela minha única companheira, e derrepente ouvimos uma voz forte, era apenas meu neto crescido que resolvera morar com os velhinhos , chamando pra tomar nossos remédios pois estava na hora. Ele é atencioso e cuidadoso e alegra a casa com seu jeito brincalhão.

Mas como todos nós esperamos a morte veio nos abraçar, minha querida e linda mulher se vai primeiro, mas meu coração frágil e apaixonado, não se permite viver sem ela. Antes de encontrar com meu amor, chamo meu neto, e lhe digo aos ouvidos com a voz fraca: parabéns pela pessoa que você é, seja sempre assim acertando ou errando, acima de tudo viva, erre, pois só assim vai saber como acertar, chore pois as lágrimas podem limpar seus olhos e lhe mostrar a verdade, viva sem medo da solidão, pois quando menos esperar o destino vai lhe colocar um anjo com sorriso tímido no seu caminho, e não deixe ele voar segure seu anjo pois o mesmo vai lhe acompanhar por toda sua vida. Com um sorriso o velho fecha os olhos e suas ultimas frases foram: não tenha medo da morte, pois nascemos pra morrer e ela não é nada mais que uma grande amiga.

TE AMO... TE AMO... TE AMO....

Venho lhe fazer uma pergunta tola, quem nunca esperou ouvir o tão aguardado TE AMO? Seja a pessoa que for, por mais maldosa, amargurada, sempre espera ouvir essa doce palavra. Mesmo que jure de pés juntos que não que, nunca vai querer. Sabemos que todos esperaram um dia por isso. Orgulho-me em dizer mesmo sendo pra pessoa errada (que descobrirei depois).

Os apaixonados esperam a todo o momento, ai de você se um dia não disser.  Tudo bem que pode demorar, mas se não falar pode ter certeza que tudo vai acabar o mais rápido que imagina. Existem aqueles amigos que dizem a todo o momento, pra falar a verdade eu sou um deles, por mais que me chamem de grudento, sentimental, fresco, mas lembrar o outro que ele é amado por alguém é muito importante, eu gostaria de sempre ser lembrado que sou amado por alguém. Quando esta amando, a melhor coisa é sentir aquele ventinho leve na orelha e bem baixinho as doces palavras, e por um breve momento você começa a flutuar e volta ao chão. Acordar com um forte abraço de nossas mães e acompanhado das palavras, ou ate mesmo em um momento de desespero, ela segurar sua mão te olhar nos olhos e dizer – Calma filho seja o que for, aconteça o que acontecer EU TE AMO (ainda tenho esperança que um dia isso aconteça). Imagina você acordando sua mãe com um lindo bolo, ou ate mesmo um cartão escrito, e ainda ver as lágrimas de alegria descendo pelos seus olhos, não a dinheiro no mundo que pague esse momento.

Mas a palavra fica fraca, desgastada, enjoada, inútil e dolorosa as ouvidos, quando é dita por pessoas falsas, mentirosas, manipuladoras, cruéis e insensíveis. Sabe quando você pode ouvir, mas percebe que não tem sentimentos, que a pessoa fala por falar, que não se importa realmente com o significado ou nem sabe que existe um. Às vezes tem pessoas que fazem isso sem querer, só pra querer agradar as outros, sem saber que isso pode ferir mais do que imagina, tem hora que é melhor ficar calado do que estragar o momento. Eu sei viver e reagir rapidamente, se as palavras são verdadeiras e sinceras irei retribuir, com um sentimento igual ou maior. Mas se a pessoa é rude e cruel ou ate mesmo desatenta, não espere de mim um agradecimento por palavras jogadas ao vento, sem motivo ou prazer.

Não existe hora ou lugar, pessoa errada ou certa, se for com sentimento essas palavras iriam sempre valer mais que qualquer dinheiro do mundo. Imagina se trocarmos armas, guerras, brigas, ódio, rancor, inveja por apenas uma simples frase – EU TE AMO. O mundo seria bem melhor, não teria tanto sangue nas ruas filhos, pais, mães, irmãos, tios, tias, avós, netos, não estariam a chorar por uma bala perdida, por um assassinato, por uma simples cobrança de divida que acabaria em morte. As pessoas poderiam sair de casa sem medo do que o vizinho poderia lhe fazer de mal, do que uma briga de desconhecidos lhe poderia causar. Sem medo de falar um pouco mais alto e ser agredido, de amar diferente e ser morto por apenas amar. Imagina se tudo fosse resolvido com uma simples frase, que bem usada poderia ser a solução de tudo.

Sonhar é bom, enquanto nada disso acontece, continuaremos aqui sem perder a esperança de um mundo melhor e quem sabe um dia, o que era lágrima se transforme em sorrisos, e a partir daí as lágrimas que forem derramadas serão apenas de alegria. Não perca tempo, não espere que seu filho, amigo, namorado, irmão, mãe seja quem for, esteja doente ou a beira da morte pra lhe ouvir dizer com sinceridade – EU TE AMO.

GRITE AO MUNDO, MESMO SE ELE NÃO QUISER OUVIR. EU TE AMO.

Um dia de chuva

Hoje não parece ser um bom dia o céu esta escuro, o sol se esconde entre tantas nuvens. Mas olhem meu amor veio me buscar. Mas acho que não vai dar pra sair, aquele céu escuro e estranho nem da mais pra ver no meio de tanta chuva. Pelo que da pra notar não vai ter como sair de casa, ainda bem que estou com uma companhia agradável.

Se tem que ser assim por que não aproveitar isso tudo, rapidamente providencio pipoca e um bom filme, um cobertor bem quente e logo me vejo nos braços do meu amado, enquanto o mundo lá fora esta acabando, aqui dentro me sinto no céu. Mas como tudo que é bom dura pouco, a luz acaba. Posso escolher entre ficar chateado ou no escurinho e com aquele barulho de água aproveitar pra conversar, colocar o papo em dia. Descobrir mais sobre o meu companheiro. Nada melhor que ficar em casa dessa maneira, quem dera todos os dias de chuva pudesse ser assim.

Mas bem olha ai você indignado ao ler todas essas palavras de um apaixonado, pois bem, posso me colocar no seu lugar, por mais que escreva tudo isso, ainda não tenho um amor pra passar o dia de chuva comigo.

Então começa aquela chuva que vai acabar com o mundo, acabei de ligar pro serviço e avisa que não irei trabalhar hoje, pois não tem como passar no meio de tanta água, tem algumas opções já que não tenho um namorado. Posso ficar chateado e aborrecido, perdendo assim o dia de folga inesperada que ganhei, posso me esconder de baixo de um cobertor super quente e assim também perder o meu dia, ou posso fazer do meu dia o melhor possível, sem importar com o mundo lá fora.

Como não sou bobo resolvi aproveitar o dia, fiz uma pequena lista do que fazer hoje, primeiro arrumar a bagunça do quarto que esta pra ser feita a semanas ou meses? Não me lembro mais. Comecei, derrepente achei uma conta que tinha que ser paga mês passado, um urso do meu afilhado (que achava que tinha perdido na rua), um pouco da pizza e um resto de refrigerante, algumas roupas sujas. Mas a parte boa de tudo isso vem agora, lá no canto cheio de poeira e com uma fina camada de teia de aranha, vejo um brinquedo que há muito tempo foi esquecido, junto dele algumas fotos de infância, é como se tudo voltasse como era antes, quando corria sem parar com aquele carrinho que na época toda criança queria e que hoje não passa de uma doce lembrança. As fotos sempre com um grande sorriso e com os pés descalços, aquela falta de preocupação com qualquer coisa que seja, um ou dois dentes faltando, por molecagem ou coisa do tempo. Meus olhos se encheram de água e com uma lágrima molho a foto mais importante, aquela onde estão todos reunidos, meus irmãos, meus pais, avós, tios, primos e por ai vai. Analisando cada um posso ver como o tempo passou, alguns nunca mais viram, outros foram por caminhos ruins, e tem aqueles “certinhos” da família (os caçulas) que por mais que façam de errado sempre serão os anjos da mame e do papai. Com tantas lembranças e sorrisos, coloco uma musica bem alta e começo a rapidamente a arrumar o quarto, nem vejo o tempo passar, e depois de tudo pronto acabo pegando no sono. Acordo com o despertador louco a gritar, abraçado ao ursinho e meu carinho, coloco cada coisa em seu lugar e pego minha pasta, aquele dia especial já passo e o que me resta é a rotina dura do dia a dia.

Grito de Socorro



Hoje me sinto fraco acordei um pouco estranho, fui pra rua observar os pássaros, os movimentos das árvores e sentir na pele o vento gelado. Que diferente, depois de muito tempo sem chuva, posso ouvir os pingos de água, o cheiro de terra molhada não me deixa enganar. Começo a correr, pois não queria molhar, mas a chuva chega rápido. Chego em casa e tomo um banho quente pra não resfriar ou pegar coisa pior.
           
No silêncio da casa começo a reparar no escuro, na solidão, como já sabem não sou uma pessoa muito forte. Na minha cabeça começam a passar cenas de dor ou desespero, e algumas soluções pra isso tudo, pensei em tomar vários remédios e nunca mais acordar, colocar uma corda no pescoço e pular de um lugar bem auto. Mas acabei optando por meus pulsos, sem muito pensar, cortei os dois. O desespero tomou conta de mim ao ver tanto sangue no chão, comecei a ficar fraco, podia sentir cada gota se derramar sem motivo, o coração já não batia como antes, em cada segundo batia menos e menos. No ultimo suspiro senti algumas lágrimas e um corpo quente a me pegar.

Vejo minha alma fora do corpo e tenho a certeza que estou morto, as lembranças tristes e sofridas já não estão mais em minha mente, só consigo ver momentos felizes, onde corria sem parar, brincava e sorria muito apesar de tudo que estava vivendo. Mas volto ao hospital, posso ser revivido por pessoas que nem ao menos sabe quem sou.

Posso ouvi vozes de pessoas que amo muito, mas que deixei pra trás ao pensar só em mim. Veja meus amigos todos pedindo a Deus pra não deixar que eu morra e aqueles que nunca vi chorar, hoje posso ver lágrimas sofridas de seus olhos. No canto vejo minha mãe em prantos, pedindo com todas as forças pra voltar. Me pego chorando, achei que depois da morte tudo iria se resolver, todas as dores terminariam. Mas não vi que tal ato de puro egoísmo faria tanto mal as pessoas, agora era tarde pra arrependimento, já estou me conformando com tudo isso.

Olhem o bom medico vai dar à dolorosa noticia minha mãe não se conforma e com uma força nunca vista, entra na sala onde estava meu corpo, pega minha mão cheia de sangue e com raiva, ódio e medo daquilo tudo, começa a me bater e pergunta o por que de tudo isso, antes que pudessem retira La de perto do corpo, um ultimo pedido foi feito, esse com tanta esperança e amor, que acabou sendo atendido. Minha alma foi arrastada com tanta força pra onde nunca devia ter saído que não consegui me lembrar do que aconteceu enquanto estava na sala medica. Depois de tanto acontecido o que me resta é a culpa de um ato egoísta, mas o amor e a compreensão dos que me conhecem me faz entender por que voltei a viver.

Agora olho as marcas disso tudo e pra não esquecer, vou telas pelo resto da minha vida, as cicatrizes nos meus pulsos são feias, mas o amor de Deus por mim aumenta cada dia a minha esperança na vida, hoje posso sorrir e abraçar minha mãe, meus amigos e sentir novamente a chuva a me tocar, pois sei que só Deus pode dar ou retirar uma vida e não cabe a nós decidir isso.

Mulheres


As pessoas estavam acostumadas à mulher perfeita, ou melhor, a empregada perfeita. Houve uma época em que todas eram criadas para cuidar de seus maridos, da casa e de seus filhos, achava que elas eram incapazes de fazer isso tudo e ainda trabalhar fora. Desde crianças as meninas aprendiam como se comportar na mesa, caso seu marido resolvesse leva La a um jantar de negócios aprenderas a passar cozinhar e arrumar, pois os homens deviam chegar em casa e achar tudo pronto e alem disso suas esposas deviam esta lindas e bem dispostas pra eles.

Mas as coisas mudam e não seria diferente com elas, cansadas de serem empregadas do lar e ainda estarem a mercê dos homens pra fazer delas o que bem entender, foram a luta. Com muito suor e esforço batalharam, bradaram e de pouco em pouco conquistaram o seu lugar.

Foram condenadas, pois não era essa a criação que receberam com bravura se mostraram capazes. Com muito custo conseguiram um emprego e com isso mostraram ao mundo.

Chegava tarde do serviço cansada, exausta, mas não se deixava desanimar, arrumava a casa, preparava a janta e o suficiente pro almoço das crianças, pois o marido preocupado em ganhar mais que ela, não parava de trabalhar, deixava as roupas bem passadas e separadas, pois não queria os filhos e seu marido desarrumados pelas ruas. Acordava cedo arrumava o café, preparava as crianças pro colégio, depois do beijo na testa, esperava elas entrarem na sala de aula e ia trabalhar. Ate que um dia resolveu da mais um passo, o tão temido divorcio (hoje em dia mais procurado que os casamentos), percebeu que seu marido preocupado em não perder pra mulher, acabo se perdendo em uma batalha que nunca existiu. Mostrando que era forte o suficiente pra manter seus filhos e a casa, resolveu se separar e curtir a vida.

Hoje em dia elas ao domingo vão ao parque com as crianças e durante a semana tem que trabalhar muito pra dar conta da rotina dura, pois cuidar da casa, dos filhos e trabalhar não é fácil, mas nada disso tira o gosto de passar uma bela maquiagem, arrumar o cabelo, colocar um lindo vestido e sair por ai pra namorar, sabendo sempre de todas as suas responsabilidades.

Dedico a Estefânia e muitas outras mulheres, que demonstram a sua força e capacidade de fazer o que quiser sem depender de homem algum.

A Rosa branca e o Coração de pedra


Eu sei que lhe feri, palavras duras e cruéis foram jogadas ao vento tanto da minha boca quanto da sua, ele espalhou todas elas. Mas essa pessoa tão cruel é apenas a mais essencial em minha vida. Pode esperar por meses para me ter, de um modo ou de outro me criou, mal ou não me tornei o que sou por trabalho e educação dela. Mas o destino é cruel ou realista? Acho que o dois, sempre olhei todos a aceitar as diferenças dos outros, quando era pra aceitar as minhas diferenças, apenas viraram as costas.

Ela aceita todos menos ao seu próprio filho. A esperança como todos dizem é a ultima que morre, e quem sabe pode morrer quando menos esperar. Mas em um momento de surto e desespero me lembro da rosa branca. Ao chegar à floricultura e pedir a tal rosa, o florista me diz assim “não há coração, tão gelado e mórbido que não se aceite uma linda rosa, ela ira gostar”, pois conhecendo minha mãe já lance a seguinte frase “espero que aceite mesmo”. Com um nariz de palhaço e tão esplêndida rosa, chego com a maior humildade, o deboche já era esperado, mas como sempre a esperança permanece, mesmo com tantas ofensas, aquela pequena rosa, renovaram todas as esperanças que tinha em mim, a alegria foi tanta que tratei rápido de informar a situação ao poeta que me sugeriu a ideia há muito tempo atrás.

Estava realmente feliz, pois achei que aquela rosa ajudaria em alguma coisa. Pra não força a situação, resolvi da um tempo, pois depois desse tempo cheguei a ela, com um grande pesar, pois naquele dia não estava bem, esperava pelo menos um abraço ou coisa parecida, mas o que me ofereceu foi apenas o desprezo e a frieza de não se importar. Sei que sofre com tudo isso, mas meu coração também doe ao ver o que nos tornamos.

Olhei bem, esperava que aquela rosa branca pudesse lhe afetar o coração e se tornar vermelha, pois assim saberia que ali ainda existiriam sentimentos, e que a esperança não acabaria. Mas para o meu pesar a rosa morreu, e ao secar suas tão graciosas e lindas pétalas se foram com o vento. Percebi então que ela não seria capaz de perfurar uma pedra, pois aquele coração já não tinha mais nada alem de gelo e crueldade. Mas se acha que sou cruel ao falar de tal forma de minha mãe, não se preocupe, ainda tenho um coração e esperança suficiente pra esperar que a pedra se transforme e tudo mude.

AMOR PODE SE TRANSFORMAR EM AMIZADE?


Veja nos meus olhos algumas lágrimas estão descendo, mas vejam elas passam por minha boca, um belo sorriso. Essas tão preciosas e lindas lágrimas vem do meu coração, junto com elas o desejo de te ter do meu lado, ser o único, te ouvir dizer “TE AMO”, te abraçar e não deixar sair, grudar os meus lábios na sua boca sem pensar no passado, presente ou futuro. Meu coração clama por sua presença, grita aos sete ventos o seu calor e harmonia, ele lhe implora a paixão que tanto procura. Mas veja assim como minhas lágrimas iram secar no chão, todos os sentimentos de puro amor, vão se dissipar com o tempo, mas não se preocupe não deixarei tudo se perder, vou transformar amor em amizade, e tudo vai passar.

Lembram-se daquele sorriso? Ele é a única coisa que vai durar depois que as lágrimas secarem, ele vai mostrar que amor nunca acaba, ele se transforma em carinho e outros sentimentos bons.

É difícil entregar o meu amor a outro, mas não tem problema o que importa é os dois estarem feliz, estarei muito feliz ao te ver com a pessoa que você ama, aproveite esses momentos, e quero muito que dure o máximo possível. Sonhe acorde, mas de sempre valor aos momentos que um dia serão inesquecíveis, nunca terá momentos ruins capazes de apagar tudo o que viver com o seu amor. Diga sempre o quanto o ame, e se ele souber da valor a um sentimento tão bom, vai poder usufruir de uma felicidade tão grande .

Não seria egoísta ao ponto de te pedir que esteja ao meu lado sabendo que você gosta de outro, pelo contrário vou sempre estar do seu lado pra te apoiar. Vou sempre lembrar dos momentos bons, pois sei que muitos outros viram, mas agora o amor será apenas de amigos. E mais que um amigo, agora é um grande irmão, aquele que posso contar, nos momentos doloridos da vida, e nas alegrias. Você merece ser feliz, ame o máximo que puder, pois a vida não espera por aqueles que não sabem da valor aos seus sentimentos, esse não é o seu caso, pois alem disso, da muito valor ao sentimento do próximo. SEJA FELIZ HOJE E SEMPRE AMIGO-IRMÃO.

Estrela Cadente


Hoje o meu dia foi corrido, assim como todos os outros, a monotonia e o desespero podem acabar com qualquer ser humano posso lhe garantir isso. Mas sejamos racionais, pois isso tudo faz parte da vida, o cotidiano e a rotina andam sempre do mesmo lado, se conseguir separar os dois, podem conseguir grandes coisas. Mas bem, com tanto sono resolvo deitar a luz da lua, o sono vem tão de vagar, que posso ate mesmo ouvir os grilos, os insetos e as pequenas abelhas a produzirem seu precioso mel. Olhe o que é aquilo cortando o céu? Será mesmo que é o que estou imaginando? Por via das duvidas irei fazer logo o meu pedido a esta estrela cadente.

Mas que depressa lhe peso que retire tudo isso de mim, o cotidiano, a rotina e assim por diante. Acordo desesperado, pois estou atrasado pro serviço, mas calma acabei de reparar aquele pedido foi mesmo atendido, não tenho hora pra fazer nada, irei trabalhar se quiser, meu almoço não será na hora certa e se mesmo pensar irei passear pelado na rua hoje. Os dias passam o que era pura e única diversão, se puderem acreditar virou rotina, acordar todos os dias no horário que bem entender já não é tão bom quanto da primeira vez, em um dia estou gordo e o outro magro, isso tudo esta acabando comigo, pois não tenho mas uma alimentação adequada. Já não tem, mas graça andar nu pelas ruas, afinal todos fazem isso agora. Começo a me desesperar tudo que eu mais queria agora é verdade, e esta me deixando fora de mim, tudo que pensei em ser a melhor coisa, agora são as piores.

Mas eu sinto uma pequena gota de água, e em um só pulo me vejo a levantar e correr pra dentro, pois a chuva já molhou tudo que podia. Posso sentir de novo a alegria e desespero do verdadeiro cotidiano. Em vez de ficar chateado do pulos de alegria, pois sei que amanha tenho horário certo pra levantar, comer, tomar banho, dormir e assim por diante. Sei que se quiser mesmo qualquer dia desses posso dar um de louco e acordar a hora que quiser e fazer do dia o que bem entender, mas sem ter a obrigação de fazer a mesma coisa todos os dias, tudo de mais sempre é ruim, e nada disso seria diferente, agora deixo meus desejos pra momentos especiais e não quero transformá-los em obrigação. Agora é melhor parar já esta tarde e amanha acordo cedo pra trabalhar.

A Lua e o Sol


Tudo começa com um amor ou que se pode chamar de amor.

Veja a lua, ela é simplesmente linda e sempre esta rodeada de admirados, também pudera com tanta simpatia e formosura não podia ser diferente. As pequenas estrelas estão sempre a sonhar com ela, desejando-a com tanta força que chegam a imaginar que podem realmente conquistá-la. Mas olhe como essa maravilha suspira por uma estrela maior, os seus pensamentos e desejos estão sempre nessa tal estrela. Ela o ama? Uma pergunta difícil, pois só o tempo vai poder responder. A lua traz a escuridão e o belo luar dos apaixonados, pode trazer o frescor da noite. Existe aqueles que amem a lua por ela trazer coisas tão lindas em uma noite simples, ou ate mesmo por nada, só de pensar no fato que a lua esta ali se movimentando vagarosamente e mostrando o sossego tão desejado já acalma os corações loucos. Mas o tempo esta passando e a terra sempre gira. Derrepente tomando o lugar dela aparece à estrela tão desejada.

O sol vem forte, com tanta luz e calor acaba ofuscando qualquer outra estrela que possa estar por perto, todos acham que ele sempre esteve ali sozinho, mas é apenas a sua esplendorosa luz que não permite que os outros apareçam. Muito diferente da lua, ele agita os corações das pessoas, da calor e oportunidades de novas vidas, apesar de tudo pode esquentar um coração magoado, fazer a alegria das crianças e mostrar a todos que a vida continua. Mas ele assim como ela sente o mesmo amor incontrolável, pois a lua não lhe sai da cabeça, a cada eclipse eles podem se amar loucamente sem nem mesmo pensar em nada, mas quando termina volta novamente pra solidão. Mas veja estão sempre inquietos a espera desse momento mágico onde tudo pode acontecer. A lua e o sol juntos, uma paixão mais do que fiel, podem confiar em cada um sem nem mesmo pensar. Sabem esperar pelo momento certo, e aproveitam cada segundo.

Venha rápido não podemos perder tão linda harmonia, momentos assim devem ser pra sempre, e a cada estante renovados, não pense em nada, vamos apenas admirar o eclipse, e se reparar bem verá que a lua e o sol estão a sorrir, pois sabem da valor ao único e puro amor, mesmo que ele não dure pra sempre.

Violência

Hoje resolvi me revoltar, não tenho o que comer e nem mesmo o que beber. Penso que isso são motivos bastantes pra fazer mal aos outros, espero os idosos na porta do banco, as padarias e mercearias são meus alvos prediletos.


Mas já estou cansado de viver assim, melhor sequestrar alguém com dinheiro e assim ganho mais. Veja que senhora distinta, com belas roupas, e algumas jóias. Essa linda mulher será o meu alvo. Sem ela perceber lhe sigo ate sua casa, posso ver que o marido dela realmente tem dinheiro, olhe seu filho como é bem tratado e como se veste bem, bons brinquedos. Depois de muito observar, percebo que ela se deita pra dormir, e não tem mais ninguém na casa alem de seu filho pequeno, é a hora de agir. Estou a simular um simples assalto, mas com o objetivo de sequestrar a mulher e a criança. Entro em seu quarto bem quieto pra não perceber, meu instinto animal fala mais alto, amordaço sua boca rapidamente, e amarro seus braços com bastante firmeza, sem nem mesmo pensar me pego rasgando suas roupas, e fazendo coisas que nem prefiro me lembrar, seu filho um menino espero percebe tudo e se levanta, eu rapidamente vejo o movimento, e antes dele tentar alguma coisa, prendo ele em um quarto escuro, depois de machucar o pequeno garoto.

Mas como todo crime, acaba mal e com alguns feridos, no meio de tantos feridos, lá estou em uma cama de hospital, com vários médicos ao meu redor, e posso sentir o sangue escorrer no meu rosto. Na mesa de cirurgia sem poder fazer nada, vejo um rosto familiar, conheço esse médico. Mas como posso conhecer pessoa como ele? Bem de vida, com certeza nunca deve ter passado em uma favela, parece ser humilde e caridoso. Mas derrepente no meio daquilo tudo, acabo tomando um choque de realidade, e no meio dos olhos azuis vejo uma raiva tão grande, mas já sei por que, pois era o mesmo homem que pude ver na cabeceira da cama da mulher, enquanto ela tentava se livrar de tamanha brutalidade. Veja como é a vida, estava violentando a mulher do medico, e espancando o seu filho, e agora horas depois, minha vida esta em suas mãos. Vejo nos seus olhos a raiva que ele sente por mim e ao pensar em tudo que fiz, posso perceber a vontade de me matar, sinto suas mãos tremulas na duvida de me salvar ou não. Ele deve cumprir o seu juramento de salvar qualquer vida ou fazer qualquer coisa pra isso? Deve ele ser o medico correto e bom? Ele tem minha vida em suas mãos e eu destrui uma boa parte da vida dele, com todo o meu egoísmo. Sei que tudo que eu passei na vida, não justifica o que eu fiz. Mas veja os olhos dele sedentos por vingança. Fico inconsciente, mas mesmo nesse estado não consigo parar de pensar no medico, e o que ele vai fazer. Depois de horas naquele lugar já me declaro morto, pois se eu fosse ele já teria tirado a vida do homem que destruiu sua família. Mas derrepente meio tonto consigo abrir os olhos. Estou em uma sala de recuperação, e vejo vindo em minha direção aquele bom medico, não sei o que fazer, devo comprimentar e agradecer ou abaixar a cabeça e pedir desculpas? Mas nada disso vai amenizar a dor dele e nem retirar da memórias as coisas ruins. Mesmo dopado consigo entender tudo que ele me sussurra aos ouvidos. Aquela voz forte vem me falar que não me matou, pois não tinha esse direito, quem deve fazer isso na hora certa é Deus, mas faria de tudo pra me ver na cadeia onde é o meu lugar.
Depois de recuperado, é óbvio que fui julgado e com certeza condenado, mas o certo em minha mente é ficar indignado por ter sido detido e condenado. Mas quem sou eu pra fazer alguma coisa contra isso, o homem a quem eu fiz tanto mal, pode me salvar, enquanto podia ter me tirado a vida sem nem mesmo ser punido por isso. Não pensei que meus atos fossem ser tão graves, mas tudo que fiz me levou a um só lugar, ao fundo do poço, de onde eu acho que nunca devia ter saído. Mas veja a família do bom medico já esta se recuperando e com o tempo vão poder esquecer tudo isso. Mas agora estou no lugar que mereço, e nem posso reclamar disso tudo, pois tudo tem uma consequência, e agora com uma nova vida, boa ou ruim eu vou ter que arcar com o resultado dos meus atos.

Insonia


Hoje parece que a cama me expulsa em todos os momentos. Deitado sem pensar em nada o sono começa a tomar conta de mim, mas tudo bem era exatamente isso queria. Pego-me nos teus braços quentes e carinhos, a cama parece mais pequena pra nós dois, você me abraça forte e eu aceito isso tão bem. Mas quando fecho os olhos pra dormir ai sim que vem o problema. Meu peito não me deixa dormir, a tosse que me atormenta sem parar começa a incomodar, vejo que você também pode sentir e te incomodar me faz ficar louco. Pronto já decide me levanto com calma pra não te acordar, sentado na frente do computador tentando achar alguma coisa legal pra fazer ate que o sono volte e meu peito pare de chiar.

Ouça os pombos na janela do vizinho, que não para de bater asas. Olho pro céu, pois no computador não tem nada que me interessa. Mas não me arrependo de olhar pro céu, esta tão linda, as estrelas sempre ali a rodear a lua, que com um brilho maior e magnífico se destaca em tamanha escuridão. Mas a noite ainda guarda muitos mistérios, vejo os vultos negros passando, acho que são os morcegos a procura de alimento. Olhe lá embaixo pessoas na praça, algumas bebendo, outras conversando sem parar. Quem disse que a noite é parada? Pois não é, ela é muito mais movimentada que muitos dias de monotonia, pelo menos de noite podemos parar pra perceber no que se passa ao nosso redor. De dia a vida é tão corrida, as pessoas passando sempre umas perto das outras sem nem se olharem, se notam apenas pra discuti. O dia não te deixar pensar, relevar, sonhar, assim como a noite permite.

Mas nessa noite bonita e fria já cansei de reparar o que eu queria mesmo é voltar pra onde estava, pros braços quentes dele, afinal o meu lugar já deve ter esfriado, mas ainda não estou bem e não quero incomodar. Sento na beira da cama com calma pra não acordar aquela pessoa que com tanto prazer estar a dormir. Meus pensamentos loucos, não me deixam quietos.

Volto pro computador, mas olhe anúncios de pornografia, pedofilia. Demonstração de violência, espancamentos de jovens e idosos. Mas por que as pessoas usam a internet pra divulgar coisas tão horrendas? Tanta coisa bonita pra se falar, mas que nada o abuso e a violência rendem mais dinheiro e é só nisso que eles pensam, em dinheiro. Vejo-te julgando aquelas pessoas que estão conversando em bate papos, mas olhe bem, não estão fazendo mal nenhum, pelo contrario estão usando a internet pra coisas melhores do que a violência diária de todos os dias.

Mas tudo isso começa a me preocupar, o sono em vez de chegar esta em cada momento mais distante, é melhor voltar pro meu lugar antes que meus olhos não possam mais se fechar. A noite esconde tão belas coisas, mas como sempre o ser humano alem de não ver isso, ainda faz mau uso do que tem nas mãos. Mas esse assunto sério não é coisa pra se discutir nessa noite tão linda. Faça igual a muita gente agora, apenas feche os olhos e aproveite a noite, sozinho ou acompanhado os sonhos estão te esperando, afinal quando o sol voltar, começa toda correia do dia-a-dia.

Com muita calma volto ao meu lugar, realmente já esta frio, mas o seu corpo quente e amoroso rapidamente me esquenta e entrelaçado nos seus braços fecho os meus olhos, os carneirinhos vem me buscar os olhos pesados é um sinal de que o sono ta pra chegar. Derrepente com um doce beijo começo acordar, com alegria e desanimo vejo o lindo sol que me chama pra rotina do dia-a-dia, alegria de acordar mais um dia e poder ver tudo isso, tristeza de saber que não tem como fugir da rotina, por mais que você tente mudar, ainda sim vai cair na maldita rotina, que nos leva a levantar.

Segredo


Será mesmo que é um segredo? Olhe pra mim, me diga o que você vê. Limpe os ouvidos estou há horas a gritar a verdade e você não consegue me ouvir. Sinta meu corpo como esta quente com tantas mentiras. Cansei de enganar, mentir. Mas o que adianta contar a verdade? Você se nega a aceitar, eu estou a todo tempo tentando mostrar que não sou a pessoa certinha que você sonhou, não sou o filho perfeito, não sou o amigo perfeito. Eu sou falho assim como qualquer ser humano, não faço isso pra te provocar e nem pra te magoar, mas sim por minha felicidade. Não é bom fingir a todo o momento, se esconder com medo do que os outros vão falar.


Cansei de me lamentar pelos cantos, mas por que você não pode ver? Será que terei que me relacionar com outras pessoas na sua frente, pra parar de fingir que nada ta acontecendo. Será que vai ter que ouvir os meus gritos de prazer, pra parar de idealizar um futuro que você que pra mim, mas que não é o que eu quero. Será que vai ter que sentir o meu corpo quente e feliz, pra saber que estou vivo e que não posso ser o que desejas pra mim.
Acho que nem assim você me deixaria viver, sentir, ser feliz. Mas se eu ficar nu, assim como vim ao mundo e sair na rua gritando meus segredos, coisas que todos já sabem menos você, Será que só assim me deixaria em paz? Acho que não. Eu sei que destruiria os seus sonhos, não vou casar com a pessoa que queria, muito menos me deitar com as pessoas que imaginava pra mim. Não vou namorar a menina mais linda ou ate mesmo a mais feia. Sei que não é certo, mas cansei de tentar manter os seus sonhos e deixar os meus guardados. Meus sonhos são bons, afinal são meus. Você querendo ou não, vou fazer de tudo pra viver e poder um dia me declarar na frente de todos, o Amor que tenho por uma pessoa que eu mesmo escolhi.


Acabei achando uma solução, com as malas prontas e os olhos vermelhos de tanto chorar, bato a porta ao sair, com muita dor e desanimo começo uma nova vida, aquela que sempre sonhei. Com a pessoa amada, que tudo dure enquanto for possível. Mas em alguns momentos me pego no canto triste ao pensar em você, e como deve estar sem mim, pois, eu estou bem na medida do possível sem você. O meu amor , aquele menino que você nunca gostou, vem me abraçar, pois sabe o que estou pensando, mas com tanto carinho e amor ele me faz por alguns momentos esquecer a dor do passado e voltar a minha felicidade.


Mas um reencontro aconteceu, sem planejar. Você mudou consegue-me ver e pode me ouvir. Com muitas lágrimas preparo o melhor abraço venha sinta meu corpo quente e feliz, o passado foi doloroso sim, o presente é muito trabalhoso e não para nem um momento, mas quem sabe no futuro podemos estar juntos em uma mesa a sorrir e brincar com as dores do passado. Você vai perceber que os seus sonhos pra mim foram cumpridos, mas não com as pessoas que você queria, mas sim com as que eu queria, enquanto sonhava em me ver com a menina perfeita, eu sonhava em estar com o menino perfeito. Pronto os meus sonhos aos poucos estão sendo cumpridos e agora mais felizes ainda, pois tenho a sua aprovação e com você me apoiando vai ser tudo melhor. Nunca deixaria de sonhar, mesmo você sendo a pessoa mais importante na minha vida, mesmo tendo me criado, cuidando de mim por nove meses no seu ventre, me alimentando, me fez ser quem eu sou, nem certo nem errado, apenas autentico. Cada um tem a sua própria vida e cabe a cada um seguir do jeito que bem entender, se você não esta ferindo ninguém e nem fazendo mal a si mesmo. Corra bem rápido, o mais rápido que puder atrás dos seus sonhos e não os deixe acabar só por que as outras pessoas não aceitam.

Amigo??




Hoje acordei com uma vontade de esganar meus amigos. Eles me abandonaram me esnobaram e me fizeram chorar. Acabei de resolver vou-me distanciar, só assim posso melhorar. Sem ver eles vou fica melhor, sem sentir e sem saber que eles existem.


Passaram-se duas semanas, e meus olhos já estão vermelhos e nem tem mais lagrimas pra chorar. Quem disse que a distancia iria me ajudar? Quem falo que sem eles eu conseguiria sobreviver?



Passado um mês, depois de muito pensar, com os olhos cansados de chorar resolvi esclarecer tudo isso de uma vez por todas. Chamei cada um pra conversar, deixei bem claro tudo que sentia e por tudo que passei na falta deles por perto. Depois de tanta conversa e desabafo, nos olhos deles vejo tanta tristeza e no meio de tantas lágrimas pude perceber quanto era grande o amor que eles sentiam por mim. Eu meio egoísta pensava só em mim mesmo, sem imaginar que eles também estavam sofrendo com aquilo tudo, que sentiam a minha falta, quem sabe bem mais que eu sentia deles. Mas derrepente eu pude perceber, que a distância e a solidão não foi toda ruim, aprendi a andar com minhas próprias pernas, sem ter que esperar a ajudar de alguém. Pude ver que longe ou não, abraçados ou não, meus amigos ainda sentem muito amor por mim, e que posso sobreviver com ou sem eles, lógico que com eles é bem melhor. Pronto depois de tudo resolvido, pensei em dar uma pequena festa pra comemorar tudo isso. Derrepente me vejo novamente a chorar, calma agora não é tristeza e sim alegria. Alegria de ver meus amigos aqui juntos de novo, brincando, correndo, bebendo, comendo e o mais importante, sorrindo muito com tudo que estão vendo. Não quero deixar que meus olhos se fechem diante de tanta felicidade, é tão bom ver isso novamente. Eles me fazem sofrer e acabo chorando no fim, ou melhor, no novo começo. Mas é coisa da vida, tem males que vem pra bem, tem amigos que vem pra ser eternos. Estou sempre aprendendo com eles, em todo momento. Só posso dizer uma coisa com certeza, AMO MUITO TODOS Vocês.


Acordar todos os dias e ter alguém pra quem contar tudo, ou ate mesmo não conversar. Tem pessoas que só de estarem do seu lado já fazem muito bem. Dividir as tristezas e compartilhar as alegrias, chorar, sorrir, sonhar. Amizade é isso?? sinceramente não sei, ela chega assim igual o amor, derrepente, quando percebe já aconteceu e não tem como voltar, verdadeiros amigos são sempre bons. Você é um verdadeiro amigo??

Esperança de um mundo melhor


Vejo criança a correr a procura de ovos de chocolate, a procura do coelho que os deixo ali. Sorridentes e cheio de chocolates vão pra cama feliz hoje, pois o coelhinho da páscoa foi bonzinho.


Mas um dia e mais uma data feliz, olha ai crianças a escrever pro famoso papei Noel, mesmo sem ver ele, elas sabem que ele sempre vem, que vai trazer presentes e muitas alegrias pra toda a família. Pulam da cama doidas pra saber qual o presente que o bom velhinho deixo pra cada uma, pode ate não ser o que elas queriam, mas estão muito felizes, afinal ele lembro de deixar de baixo da árvore os presentes.

Dia das crianças, um dia só delas, pra pularem, correr, comer o que bem entender, ganhar brinquedos e ser feliz (mas elas sempre fazem isso). Mas olha ali no canto tem uma menina a chorar, mas como pode no seu dia tantas lágrimas derramar. Eu muito curioso não podia deixar passar, e com ela começo a conversar.


-Ei menina, por que não esta brincando com os seus amiginhos, hoje é o seu dia você tem que aproveitar em vez de estar ai no canto?
-Não quero brincar, correr, não sou mais criança e não posso fazer essas coisas mais.
-mas que mentiras são essas que você esta a me contar? Olha que papai Noel não gosta de crianças mentirosas e pode não te trazer presente esse ano. Vá brincar com seus amiguinhos que peso pra papai Noel te perdoar.
- Sei que ele não existe e que nunca vira, é apenas mentiras pra que eu vá me deitar.
-E a coisa ta feia fiquei sabendo que o coelhinho da páscoa não vai mais voltar, os ovos de chocolates não vão mais chegar.
- Que coisa boba, qualquer um sabe que coelhos da páscoa não existem e que os ovos da páscoa vêm de fabricas.
-Mas quem lhe disse essas coisas?
-Foi aquele homem de preto ali, aquele que me fez chorar. Ele me disse que tudo é mentira e que tenho que crescer.
-menina linda não se preocupe, aquele homem esta brincando e é tudo mentira o que ele lhe disse, disse isso por que ele é mal e o papai Noel não veio lhe visitar, e o coelhinho com raiva dele mando carvão em vez de ovos de páscoa. Vá brincar com seus amigos e não se preocupe com nada disso.
Depois de muito conversar, com muito sacrifício fiz a menina parar de chorar e voltar a sonhar. Já nervoso fui ate aquele homem de preto e começamos a conversar.
-Por que você esta contando coisas ruins paras crianças? Quem lhe deu o direito de acabar com os sonhos delas?
-Não estou contando mentiras, apenas verdades, e toda criança um dia tem que crescer.


Depois de tal resposta, já nervoso pedi pra ele se retirar, com algumas palavras grossas ele saiu a resmungar.
Com medo de tudo aquilo, juntei todas as crianças e comecei a contar historias pra elas, pra desmentir todas as verdades que aquele homem ruim contou. Pronto agora elas podem sonhar novamente sem se preocupar. Elas não são obrigadas a saber o que o mundo tem de ruim, mas tem o dever de se divertir e ficar na janela ate dormir esperando o papai Noel, e correr atrás de todos os ovos de páscoa. Pois é dessas fantasias que o mundo pode talvez melhorar, ainda hoje depois de crescido ainda não desisti de ver o bom velhinho, e sempre estou a procura dos ovos. Não vamos deixar a esperança morrer se podemos ser feliz, não tem motivos pra esquecer.



EU -"to tão cansado de mim.alguém poderia retirar o q se chama amor?e assim não sobraria nada. as lágrimas estão caindo.mas será q são necessárias?"


Você -"gota, gota gota de lágrima. rega a flor no seio da saudade. gota gota gota de lágrima..

lava o rosto em quanto cai e morre no peito a onde jaz um coração magoado

gota de lágrima ,goteja aqui, goteja pois assim tudo pode passar, passa em meu rosto, corre ate minha boca, e morre lágrima

morre lágrima e leva contigo a dor do amor...

e quando passares por meus rosto , vai marcando o meu corpo e abrindo caminho p um novo amor..."

EU -"suas palavras vão sempre me amparar.. um anjo q sabe o q eu preciso.. você sabe me dar tudo q eu preciso.. você é minhas asas anjo louco.."

Nossa Cidade


Hoje me deu uma vontade louca de ver a cidade do alto, acordei cedo me arrumei todo, peguei o celular, olhei os nomes a procura de alguém pra ir comigo, olhei e olhei e já sabia a resposta de cada um deles. Guardei novamente o celular esse momento era só meu e não queria ser incomodado. Andei por horas a procura de um lugar bom e agradável de ver a cidade. Depois de muito tempo já com a lua no céu, achei um lugar perfeito. Era bem alto e distante de tudo e de todos. Parei, sentei e comecei a olhar.

Olha as belas luzes dessa cidade maravilhosa, são tantas que não sei pra qual olhar. Mas derrepente no meio de tantas luzes vejo uma pessoa correndo rápido, e segundo depois um monte de policiais atrás, era um bandido que tinha acabado de matar um garoto. Tento esquecer aquela cena e olho pra outro lugar da cidade, mas olhem é melhor fechar os olhos dessa vez, ali bem no cantinho vejo um rapaz que com certeza deve ser filho daquela senhora que ele acabo de espancar e colocar na beira da rua, coitada sozinha e chorando esta vagando pela rua,depois disso vem uma lágrima em meus olhos. Mas pra melhorar vejo o outro canto da cidade, crianças usando o escuro da noite para brincar, uma se esconde ali, outra aqui, veja onde aquela esta. Derrepente um choro me chama atenção vejo um velhinho saindo do banco, e outras pessoas más o seguindo, coitado dele não sabe que vai ser roubado e espancado por rapazes que aparentam ter de tudo nessa vida e que não precisava fazer isso. Um casarão me chama atenção olha ali, nunca vi casa mais linda que essa. Muitos quartos, vários empregados e tudo do bom e do melhor. Veja essa mesa repleta de doces, frutas, salgados, caviar, vinhos de séculos, tudo que você pode pensar. O final de tal mesa pode ser visto uma pessoa solitária e rancorosa sem ninguém pra dividir tudo isso. Mas olhe ali do lado a mesinha dos empregados, é muito simples, mas esta repleta de felicidade todos juntos a sorrir e a brincar, esses mesmo que irão tirar aquela enorme mesa quando o solitário se cansar de olhar.

Já cansado de tanto olhar me deito e fico a admirar o luar, olhe a lua parece estar tão sozinha e distante, mas que nada olhe de novo, milhares de estrelas ao seu redor, ela esta feliz, pois tem com quem brincar, apostando corridas vejo uma estrela cadente a corta o céu pra se mostrar, enquanto as outras muito tímidas ficam quietinhas do lado da lua somente pra aproveitar. Sem querer pego no sono e acordo com a luz do sol a me esquentar. Já um pouco triste de tudo que vi na cidade aquela noite penso muitas vezes antes de abrir os olhos. Mas não tem outro jeito tenho que olhar, meus olhos se enchem novamente de lágrimas, tantas crianças a correr e brincar sem se importar com o lugar, e as maternidades cheia de crianças prontas pra chegar. Sorrisos e lágrimas de alegria eu posso ver naquele lugar. Meu coração se enche de alegria, pois sei que ainda há esperança pro mundo melhorar.

Dedicatória ao inimigo


Hoje me vejo mais uma vez a pensar, mas não nos momentos bons , alegres e felizes, e sim a parte que todos dizem ruim da vida, mas que se bem analisadas não são tão ruins assim.
Venho aqui hoje pra falar de uma pessoa sempre apedrejada nas ruas, aquela que ninguém gosta de ver ou ate mesmo se lembrar. Essa pessoa foi julgada e condenada, mas venho pra defendê-la e ver se assim as outras pessoas as olhem com menos rancor.
Venho defender o meu inimigo, quem alem dele pode ter sido tão indispensável na vida de qualquer um, pois afinal foi ele que me fez ser quem eu sou hoje. Minha família me deu educação e respeito ao próximo, meus amigos me ensinaram que podemos ter muito mais que a família, que pessoas especiais existem, mesmo distantes. Agora os inimigos, esses sim devo erguer minhas mãos e agradecer, pois se não fosse eles eu nunca saberia o que é cair e poder se erguer de novo, nunca iria saber que tem muitas pessoas pra me ajudar nos momentos ruins. Esse é o objetivo de um inimigo, me ensinar que a vida não são somente flores e que o sol não vai brilhar pra sempre. Ele me fez cair por muitas vezes, debocho de mim inúmeras ocasiões, me recuso, piso e depois me esmago. Enquanto ele estava rindo de mim, com lágrimas e muito suor me levantei, mostrei do que eu era capaz, me fiz forte, me olhei no espelho e limpei meu rosto sujo depois de tanta luta. As lágrimas que foram jogadas ao vento, hoje se transformam em lembranças. Se não fosse por ele nunca saberia o que é sentir medo, desespero e nunca saberia como é bom o sabor da vitoria, ver que sou melhor do aquele que sorria enquanto eu estava no chão, mil vezes mais sábio do que ele,pois pensava que nunca estaria por baixo.
Pois é isso, deixo aqui os meus agradecimentos a pessoa que me fez ser forte, ser o que hoje vocês podem ver. Se choro é por que eu quero, e não por que ele me afeta. Aprendi com ele, o meu verdadeiro valor. Muito obrigado inimigos.

O que é viver?


Hoje acordei atrasado e cansado, levantei ligeiro, e ao me arrumar apressadamente, percebi que não fazia muita coisa alem de trabalhar, e sem prensar muito desisti de tudo e voltei a deitar, depois de muito tempo deitado, resolvi que queria ir pro parque me divertir e fazer um piquenique. Pego o celular e me vejo a ligar prós amigos, mas aqueles rotineiros de sempre estão a trabalhar. Não quero ficar em casa nesse dia tão lindo.
Pego minhas coisas e vou sozinho pro parque, olha a grama verde, as folhas a caírem das árvores com tanto vento a soprar. Sem nada pra fazer e sozinho me vejo a analisar tudo ao meu redor. A vida é sim, muito bonita, mas com tanta rotina e deveres a se fazer, ninguém repara em nada ou em alguém. Deito-me na grama e começo a fazer o que há muito tempo não fazia olhar as formas das nuvens, vejo um cachorro, um pato, um coelho e ate mesmo um dragão. Olha os pássaros a voar sem rumo pra parar, der repente olho ao meu redor e vejo algumas pessoas felizes ao fazer a mesma coisa, simplesmente nada alem de apreciar a vida. Sinto uma gota na minha pele, olho pro céu e vejo a chuva chegar, alguém medroso grita pra correr e se abrigar, mas um louco de longe grita mais auto, vamos aproveitar, e der repente todos voltam a ser criança e ao chutar a água uns nos outros, pularem nas poças de lama e correr sem parar.
Volto pra casa todo molhado, mas com um sorriso de alegrar ate mesmo o mais infiel do mundo. Feliz e de muito bom humor, chego e vou me arrumar, o dia foi bom, conseguir fazer coisas que nem conseguia mais lembrar. Deito-me feliz, com vontade de não mais acordar. Com o despertador louco a gritar sem parar, acordo de novo em mais um dia de rotina e vou trabalhar.

ESPELHO



Vejo-me enfrente ao espelho, só ele pode me dizer o que é a minha verdade, me mostra querendo ou não o que ninguém tem coragem de me mostrar.








Ele não é cruel apenas realista, pra se olhar nele e aguentar as suas verdades tem que ser muito forte. Meu espelho hoje e sempre nunca deixa me enganar, faz das dores brincadeiras e ao mesmo tempo, das brincadeiras pequenas dores. Me sinto um garoto fraco e inseguro o espelho me mostra um homem forte e capaz de qualquer coisa. Mas nem sempre é fácil acreditar no espelho.



Vamos comprar espelhos e assim o mundo poderá se ver, e avaliar cada um a si mesmo, estão sempre tão preocupados com o espelho do outro que esquece do seu em casa guardado, será mesmo q esta guardado? Ou você escondeu com medo do que ele pode te falar.

Um pedaço de mim.



Quando pequena era apenas uma criança mimada e chorona, chorava simplesmente por tudo, e qualquer coisa. Comecei a crescer depois da morte de um pai mesmo distante, prometi a mim mesmo não chorar por coisas bobas.
Veio à vida me ensino que tudo tem solução, basta querer. Com o tempo vi que chorar não faz mal pelo contraio, te ajuda aliviar mas, por uma promessa infantil e impensada minhas lágrimas secaram. Eu ainda um garoto bobo e chato, pensava que nunca mais iria chorar. Mas vieram os amigos, aqueles que você acha que sempre vão estar do seu lado, ai comecei a chorar de novo. Chorava por que não conseguia mais viver sem as pessoas que no meu pensar eram as únicas que me amavam. Veio o cotidiano e com ele muitas coisas ruins e boas, depois de muito conviver com as pessoas descobri que nada, simplesmente nada é pra sempre, e aprendi do jeito mais doloroso possível, vi os meus grandes e melhores amigos se afastarem, uns bruscamente por brigas sem fundamentos. Outros sumiram só pelo fato de achar que uma amizade sobrevive só por palavras distantes.
Hoje estou a escrever de sentimentos ruins que não escondo de ninguém nem mesmo dos meus amigos, tinha problema em dizer amigos. Mas posso ver que as pessoas que realmente estão do meu lado nos momentos ruins nem sempre são aqueles que me prometeram estar quando eu precisar. Uma vez me disseram que eu ficaria sozinho. Muitas pessoas me dizem ao contrario, as pessoas que mais me importam me gritam nos ouvidos que nunca estarei sozinho, mas é difícil pensar na solidão.
Ela é tão dolorosa mesmo por pouco tempo, tenho muito medo dela. Medo de voltar e não ter ninguém pra me abraçar ou ate mesmo chorar comigo, ninguém pra sorrir e brincar, pra amar ou odiar. Sei que penso de mais antes de fazer alguma coisa, vem do meu ensinamento e não consigo parar, queria ser mais louco e viver sem pensar. Tento olhar pela janela e ver algum futuro, mas fecho ela rapidamente com medo de não conseguir enxergar.
Aprendi a dar mais valor a minha família por mais insegura ou boa que ela seja, vai ser ela que vai me amparar nos momentos difíceis, o que mais me dói é pensar que vamos morrer, sinceramente, não queria morrer, nem mesmo crescer, mas tudo tem que evoluir, que pena que o ser humano ainda não nota isso e só anda pra traz a cada dia.

LUZ OU ESCURIDÃO?


Alguém apago as luzes, mas vejam bem, esbugalhem os olhos e poderá ver ali no canto bem escondido a felicidade, mas olhem o carinho acabo de passar correndo, o sorriso brincalhão como sempre esta atormentando a todos, gente não posso acreditar o amor junto da eternidade. No escuro posso ver todos os sentimentos bons que a luz do dia não deixa ver. Tinha medo do escuro, mas aqui estou muito bem acompanhado. Não queria que as luzes fossem apagadas, mas estou me acostumando, a esperança travessa não me deixa quieto e sussurra a todo o momento que o amor anda sempre junto da dor, mas nem um dos dois faz mal algum, basta sabe lidar com cada um, que o tempo é quem ensina a amar e a sofrer sem se machucar.

Alguém ligo as luzes cadê os sentimentos bons só vejo dor sem acompanhamentos, vejo a tristeza por todo canto, olha o choro atormentando todos os corações apaixonados, a mentira acaba com as esperanças, a verdade insana e louca não deixam as crianças sonharem. Mas agora sei quem pode ter ligado a luz, foi ela a única, quem mais poderia ter sido, somente ele tem a mente tão doentia, capaz de não deixar ninguém sonha ou ter esperanças. Realidade por que acendeu as luzes? Por que você não é capaz de deixar ninguém amar? Por que sente raiva dos sentimentos bons? Mas depois de tantas perguntas sem respostas, a realidade doida e perversa vem me atormentar e não me deixa mas sonha, pare de me machucar você é capaz de qualquer coisa pra me ver chorar. Mas consegui por alguns momentos deixar a realidade pra traz e voltar a escuridão, antes que ela volte colocarei todos os sentimentos bons em uma caixinha escura chamada sonho, pois quando ela voltar terei o sonho pra me salvar. Ela esta sorrindo achando que acabou comigo, mas ela não sabe que a cada momento ruim abro minha caixa e dela retiro um sentimento pra me ajudar a vencer a realidade doentia em que nos deparamos em todos os lugares.

O começo


Tudo tem um começo. Hoje ouço o choro de uma criança, veio à vida pra um dia morrer. No choro dela vem também a alegria, sem saber por tudo q vai passar nessa vida tirana.
Ela cresceu, agora pode conhecer o que é o verdadeiro choro. Pode chorar por um amor que foi embora, por um sonho perdido. Chora por um mundo que não compreende o que é a vida.

Suas lágrimas são puras e ao mesmo tempo corrompidas com um mundo de dor e tristezas. "Pare de chorar criança tola"- o velho lhe grita aos ouvidos, esse mesmo velho já choro muito e se lembra de quando era apenas uma criança pura e inocente.

Hoje no túmulo de uma criança chorona tem muitas pessoas, muitas delas ainda não sabem o que é o amor, ou o que a vida tem de boa. A única coisa que elas sabem é o que o trabalho pode trazer, o que um cigarro pode causar e o que o mundo esta se tornando. Mas todos eles envez de se levantarem limpar as lágrimas e fazer alguma coisa, deixam os olhos se fecharem pra qualquer coisa ruim. Mas as pessoas não sabem o que é amar, o que é ser feliz. Cada sorriso falso faz acumular a dor e o desespero.

As pessoas só podem ver que tudo esteve errado quando chegarem em seu próprio túmulo e assim relembrar de tudo que a vida lhes deu de bom.. E que puderam aproveitar somente a parte ruim e gananciosa. O meu túmulo esta fechado, alguém pode me ajudar? Quero ver o que fiz da minha vida, se as minhas lágrimas foram derramadas sem objetivo ou se pelo menos uma delas puderam tocar o chão frio e solitário.